Runas: Os Mistérios e os Conselhos do Deus Enforcado na Árvore

Por Daniel Seaxdēor e Ravn (Platinorum) Como homenagem ao Andarilho Cinzento que propicia àqueles que estiverem dispostos a entender suas antigas runas, que falam sobre a vida, honra, coragem, glória e a morte. As palavras são chaves que abrem conceitos, ideias, entendimentos. Entender a origem e evolução de uma palavra ajuda a compreender mais profunda e corretamente o que uma coisa significou ou significa em … Continue a ler Runas: Os Mistérios e os Conselhos do Deus Enforcado na Árvore

Oráculo de Runas: Uma Análise Crítica

Por Seaxdéor A Antítese Runas são um assunto complexo. Elas não foram usadas pelos germânicos como um oráculo. A primeira vez que elas são claramente assim mencionadas é a partir da obra de Ralph Blum, The Book of Runes: A Handbook for the Use of an Ancient Oracle, um livro dos anos 1980. O título em si é um erro não muito bem intencionado. Dentro … Continue a ler Oráculo de Runas: Uma Análise Crítica

Heathenry, Ásatrú, Odinismo: sobre os nomes de caminhos no paganismo nórdico/germânico

Por Seaxdēor, revisão de Dannyel de Castro

No dia 7 de dezembro mudamos oficialmente o nome de nosso projeto de Ásatrú & Liberdade para Heathenry & Liberdade, uma transição que durará algum tempo para se completar. Isso levantou a questão de que todos os vários nomes como Ásatrú,  Heathenry, Odinismo, seriam a mesma coisa? Não são todos a continuação da religião dos nórdicos? Na verdade, não exatamente. Vamos dar uma olhada nesses nomes, suas origens e significados, e entender porque a distinção é necessária. Continue a ler “Heathenry, Ásatrú, Odinismo: sobre os nomes de caminhos no paganismo nórdico/germânico”

Guerra de egos: a ruína da Ásatrú e de todo o paganismo germânico no Brasil

Por Seaxdēor

O paganismo germânico é uma religião que morreu. Existem pelo menos mil anos entre a última forma de paganismo de povos germânicos e a primeira tentativa de trazê-lo novamente à vida. Não existem tradições milenares intactas. E assim começamos nossa conversa. Continue a ler “Guerra de egos: a ruína da Ásatrú e de todo o paganismo germânico no Brasil”

Cosmologia nórdica: Nove mundos? — Uma reflexão

Por Seaxdēor Comumente temos a ideia de que as Eddas retratam fielmente a maneira que os povos tribais germânicos em geral viam a realidade, o que não é o caso, sempre. Diferentemente de outros povos letrados, os quais preservavam um conjunto de mitos de maneira razoavelmente intacta através do tempo, todas as histórias e explicações coletivas da realidade dos povos germânicos são bastante ligadas a … Continue a ler Cosmologia nórdica: Nove mundos? — Uma reflexão

O Chifre de Três Pernas (Triple Horn)

Três chifres de beber entrelaçados são um importante símbolo dos nórdicos. Parece estar intimamente relacionado com o Valknut e a Triquetra e é muitas vezes referido como o “Chifre Triskelion”. Todavia, como vários símbolos, como o Valknut, o seu nome original (se o teve), e os nomes dados atualmente pouco provavelmente tem algo a ver com o nome original. O chamaremos de Chifre Triskelion por convenção. Continue a ler “O Chifre de Três Pernas (Triple Horn)”

Runas: uma abordagem reconstrucionista

Atenção: esse atigo usa vários caracteres especiais que podem não ser reconhecidos no Android ou computadores. Se esse for seu caso, tente a versão em PDF.

Por Seaxdēor

Na edição anterior da revista Heathen Brasil foi-me sugerido fazer algo como que uma sessão exclusiva para falar sobre uma runa a cada número. Apesar de agradecer a sugestão, sou obrigado a declinar, mas não por desconsideração, e sim pelo papel que as runas têm na minha prática. Continue a ler “Runas: uma abordagem reconstrucionista”

Desfazendo mitos modernos sobre o reconstrucionismo Heathen

O antigo paganismo, depois de intensa guerra religiosa, foi destruído. E agora, como o recuperaremos?

Por Seaxdēor

Como existe muita controvérsia sobre “o que” é o reconstrucionismo e muitas pessoas o criticam sem sequer entender, vamos tentar apresentar o que ele é, e o que ele não é, do nosso ponto de vista enquanto reconstrucionistas (já que não-reconstrucionistas vivem dizendo o que é, do ponto de vista deles). Continue a ler “Desfazendo mitos modernos sobre o reconstrucionismo Heathen”