Beyla

Beyla

Segundo estudos etmológicos, Beyla é a forma em Old Norse do nome *Baunila[1], o qual significa algo como “pequeno feijão/grão”, “pequenho inchaço/aumento”. Na mitologia, é serva do deus Vanir Frey, junto com seu marido Byggvir, e é unicamente citada no Lokasenna, dando a entender que é seu trabalho cuidar do hidromel a ser servido.

Há hipóteses que relacionam Beyla à vacas (cow) e a abelha (bee). Ainda há hipóteses que afirmam que Beyla e Byggvir são Ljósálfar, ou elfos brancos, mas não há provas conclusivas a respeito disto.